Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Galeria de imagens > CDTN > Notícias > Newsletter > O desenvolvimento e os ensaios de embalagens de transporte de materiais radioativos
Início do conteúdo da página

O desenvolvimento e os ensaios de embalagens de transporte de materiais radioativos

Ed01 Teste de resistência ao impacto de embalagem de combustível nuclear
Teste de queda da embalagem para combustíveis irradiados
foto: Paulo de Oliveira Santos
 

Com quase 40 anos de experiência em testes de embalagens para transportes de materiais radioativos, o CDTN coloca a serviço de toda a sociedade o seu Laboratório de Ensaio de Embalagens de Transporte (LEET) do Serviço de Gerência de Rejeitos (SEGRE) para elaboração de projetos, ensaios e certificação de embalagens para o transporte de diversos tipos de materiais radioativos. Para isso, dispõe de infraestrutura para realização da maioria dos ensaios previstos na norma brasileira, deixando apenas alguns ensaios que demandam instalações de maior porte, como o ensaio térmico, para serem contratados de empresas especializadas.

Hoje, o LEET/SEGRE do CDTN tem como principais clientes as empresas fornecedoras de radiofármacos para as diferentes clínicas e hospitais do Brasil que utilizam material radioativo para os diversos diagnósticos e tratamentos disponíveis no país. Em nosso laboratório foram projetadas e testadas também embalagens para a Eletronuclear, operadora das usinas de Angra 1 e Angra 2, e uma embalagem para combustíveis irradiados de reatores de pesquisa, esta desenvolvida em parceria com a Comisión Nacional de Energía Atómica da Argentina – CNEA.

Embalagens para transporte de fontes radioativas seladas também foram testadas no Laboratório de Ensaios de Embalagens de Transporte. Entre estas, encontram-se embalagens para fontes medicinais, de Rádio-226, e para fontes para uso industrial, de Césio-137. Também são clientes do LEET outros setores do CDTN, na medida em que foram testadas aqui mesmo embalagens para transporte de traçadores radioativos para o Serviço de Meio Ambiente e qualificadas fontes seladas de Cobalto-60 para o Reator TRIGA, o reator de pesquisas do nosso Centro.

Ed01 Ensaio com embalagens para transporte aéreo de radiofármacos
Embalagens para radiofármacos em teste de compressão
foto: Paulo de Oliveira Santos
 

Emitido pelo LEET, o Certificado de Qualificação de Embalagem para embalagens aprovadas nos ensaios realizados é reconhecido como documento comprobatório de atendimento aos requisitos normativos aplicáveis ao transporte de materiais radioativos, em território nacional, pela Diretoria de Radioproteção e Segurança (DRS) da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), órgão de controle e licenciamento das atividades radioativas no Brasil.

Quando a DRS/CNEN necessita de serviços ou avaliações técnicas especializadas em processos de licenciamento de embalagens de transporte, o LEET/SEGRE/CDTN também atua como organização de apoio àquela instituição. Dois exemplos recentes deste apoio ocorreram durante o licenciamento pela DRS de cilindros para transporte de Hexafluoreto de Uranila (UF6) e de embalagem para importação de Molibdênio da Argentina, para a produção de Tecnécio, como principal radiofármaco utilizado em exames de medicina nuclear em nosso país.

Para os interessados em mais informações ou por um contato direto com o LEET/SEGRE/CDTN, o link no site do CDTN é um bom canal e pode ser acessado a qualquer momento.

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. - jornalista

registrado em: ,,
Fim do conteúdo da página